Timeless

Próxima emissão: Segunda, 31 Julho

Emissões futuras de Timeless

close
Segunda, 31 Julho
Timeless 105
Episódio 105
Segunda, 31 Julho
Timeless 106
Episódio 106
Segunda, 31 Julho
Timeless 105
Episódio 105
Segunda, 31 Julho
Timeless 106
Episódio 106
Segunda, 31 Julho
Timeless 107
Episódio 107

Flynn leva a equipa a viajar até ao ano de 1754, em plena guerra franco indígena! Rufus vê-se obrigado a roubar materiais de um forte francês, para conseguir reparar o barco em que viajam senão... arriscam-se a não poder regressar!
No tempo presente, Denise começa a desconfiar cada vez mais de Mason.

Anúncio
nbc_timeless_journal_frenchindianwar_01_0

A Guerra Franco-Indígena é o nome dado ao conflito ocorrido entre 1754 e 1763 entre os britânicos e os franceses, na suas colônias na América do Norte, tendo sido um dos teatros da Guerra dos Sete Anos. Ambos os lados possuíam povos nativos americanos como aliados. Os algonquinos e os hurões estavam do lado francês e os iroqueses do lado britânico.

Por volta de 1756, a França alcançou uma superioridade militar local e seus fortes localizados em lugares estratégicos evitaram a expansão britânica na região. Contudo, o segredo da vitória colonial era o controle das linhas de comunicação e, por conseguinte, o poder naval. A eclosão da Guerra dos Sete Anos na Europa transformou a luta local. Enquanto a França estava limitada pelos compromissos continentais, a Grã-Bretanha tomava o controle do Atlântico e isolava as forças francesas na América do Norte.

Em julho de 1757, o primeiro-ministro Pitt, o Velho, subiu ao poder na Grã-Bretanha e conduziu a guerra com habilidade e vigor. Louisbourg caiu em 1758 e o ano de 1759 foi de vitórias britânicas. Com a ocupação de Montreal, em 1760, todas as possessões francesas no Canadá passaram às mãos dos britânicos.

Em 1761, a Espanha entrou na guerra e Pitt renunciou. A França assinara com a Espanha o chamado "pacto de família", pelo qual os britânicos perderam acesso aos portos de Portugal, o que provocou a invasão de Cuba pela Inglaterra e a ocupação de Manila, nas Índias Ocidentais.

O Tratado de Paris, assinado em 1763, regulou finalmente as disputas marítimas e coloniais. A guerra resultou na perda de todas as possessões francesas na América do Norte à exceção de Saint Pierre e Miquelon. A Grã-Bretanha conseguiu todo o Canadá, parte da Louisiana, Flórida, as ilhas das Antilhas , São Luís, além do reconhecimento de todas as suas conquistas nas Índias Ocidentais. A Espanha obteve o controle da outra parte da Louisiana, em compensação pela perda da Flórida para os britânicos.